Sexta-feira, 25 de Setembro de 2009

AS COISAS QUE FAZIAM DAVI SE SENTIR MAL

Davi era um homem "segundo o coração de Deus". (1º Samuel 13:14). Pecou, mas sobretudo obteve importantes vitórias. Uma delas foi contra Golias, o gigante filisteu. Saul, muito preocupado, pois Davi ainda era "moço", e Golias um veterano guerreiro.
 
"Porém Saul disse a Davi: Contra este filisteu não poderás ir para pelejar com ele; pois tu ainda és moço, e ele, homem de guerra desde a sua mocidade".
(1º Samuel 17:33)
 
Saul coloca então uma pesada armadura sobre o pequeno Davi.
 
"E Saul vestiu a Davi das suas vestes, e pôs-lhe sobre a cabeça um capacete
de bronze, e o vestiu de uma couraça. E Davi cingiu a espada sobre as suas
vestes e começou a andar; porém nunca o havia experimentado; então,
disse Davi a Saul: Não posso andar com isto, pois nunca o experimentei.
E Davi tirou aquilo de sobre si". (1º Samuel 17:38,39)
 
Davi não conseguia sequer andar, que diria lutar com aquilo! Davi se sentia mal com a armadura colocada pelo homem! Ele se sentia bem quando ele era ele mesmo, e Deus ao seu lado. Com seu humilde surrão, derrotou o gigante. E assim foi com o leão e o urso. (1º Samuel 17:37)
 
Davi parecia ser menosprezado de algumas ocasiões especiais. Quando Samuel foi ordenado por Deus para ir a casa de Jessé ungir o rei de Israel, ele estava fora de cogitação para ser o ungido.
 
"Disse mais Samuel a Jessé: Acabaram-se os jovens? E disse:
Ainda falta o menor, e eis que apascenta as ovelhas. Disse, pois, Samuel
a Jessé: Envia e manda-o chamar, porquanto não nos assentaremos
em roda da mesa até que ele venha aqui". (1º Samuel 16:11)
 
Porque Jessé ainda não tinha chamado Davi até aquela hora? Samuel já havia chegado e convidou os seus filhos.
 
"Santificai-vos e vinde comigo ao sacrifício. E santificou ele a Jessé
e os seus filhos e os convidou ao sacrifício". (1º Samuel 16:5)
 
Talvez pensasse consigo: "-Quem?? Davi???....Ah, não...todos menos aquele..." Mas o formoso Eliabe estava lá! O que desenganou o profeta. Mas a palavra do Senhor veio a tempo.
 
"E sucedeu que, entrando eles, viu a Eliabe e disse: Certamente, está perante o Senhor o seu ungido. Porém o Senhor disse a Samuel: Não atentes para a sua aparência, nem para a altura da sua estatura, porque o tenho rejeitado; porque o Senhor não vê como vê o homem. Pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o Senhor olha para o coração". (1º Samuel 16:6,7)   
 
Quando uma alma se converte na igreja, os "crentes Saul" tentam colocar no novo-convertido a armadura exterior. Abrem o guarda-roupa e mostram as gravatas de seda, paletós, um peso para quem não está acostumado aquilo tudo. Para os Saul's atuais estas vestes são a armadura do crente! E ela em nada coincide com a armadura espiritual que Paulo ensina em Efésios 6.
 
"Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo; porque não temos que lutar contra carne e sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais". (Efésios 6:11,12)
 
E isso não é novidade pois no tempo dos apóstolos este mesmo problema circulava entre os cristãos.
 
"Por isso, julgo que não se deve perturbar aqueles, dentre os gentios, que se convertem a Deus, mas escrever-lhes que se abstenham das contaminações dos ídolos, da prostituição, do que é sufocado e do sangue". (Atos 15:19,20)
 
Claramente a Palavra de Deus nos ensina a não "perturbar" aqueles que se convertem. Nos dias de hoje vemos alguns que inquietam os que se convertem, pregando "doutrinas" de igrejas, dogmas do homem, ensinamentos que não estão na Bíblia Sagrada. E no versículo 24 novamente fala desses perturbadores:
 
"Portanto ouvimos que alguns dentre nós, aos quais nada mandamos
vos têm perturbado com palavras, confundindo as vossas almas". (Atos 15:24)
 
Quantos afirmam que se sentem mal com determinados tipos de vestes, que andam segundo a "doutrina" de suas igrejas, e só assim se sentem bem, mas seus corações estão cheios de maldade, falsidade, fofocas, contendas, mentiras, etc.
 
"O homem de Belial, o homem vicioso, anda em perversidade de boca.
Acena com os olhos, fala com os pés, faz sinais com os dedos. Perversidade
no seu coração; todo o tempo maquina mal; anda semeando contendas".
(Provérbios 6:12-14)
 
Com o que estas pessoas tinham que se "sentir mal" em primeiro lugar? Certo que o cristão não deve se  trajar indecente, mas qual a preocupação primordial numa conversão?? Mudar o exterior e deixar o interior em segundo plano? Vestir a aparência de Eliabe, e ter a rejeição do Senhor?  
 
Que o nosso caráter venha a ser como o de Davi, que era um homem segundo o coração de Deus.
 
“E rasgai o vosso coração, e não as vossas vestes,
e convertei-vos ao Senhor vosso Deus”. (Joel 2:13)
publicado por pastordenis às 15:55
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. ***** VISITE MEU SITE *...

. AS COISAS QUE FAZIAM DAVI...

. A MÁQUINA DO CONTRA!!!

. É PECADO UM CASAL CRISTÃO...

. E SE VOCÊ ACEITASSE A JES...

. POSSO HOSPEDAR EM MINHA C...

. O QUE É, E O QUE "NÃO É" ...

. A MULHER SUNAMITA E ELISE...

. PARA SERVIR A DEUS O CRIS...

. RETIROS DE CARNAVAL - O c...

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds